english
balneário do conhecimento mojimirim - sp
ficha técnica
ano
2007
equipe

marilene mariottoni

joão paulo daolio

thiago natal duarte

gustavo p l wiering

Nos anos 90, foi construída uma PCH, pequena central hidrelétrica, justamente em área que abrigava um balneário natural na região de Mojimirim. Este fato transformou a área de lazer da cidade em área de segurança da barragem, o que proíbe a aproximação de pessoas às margens do rio. 

A 300 metros da antiga cachoeira existe uma pequena usina hidrelétrica construída em 1908. A antiga barragem, eclusas e canais desativados estão em bom estado de conservação. 

A proposta consiste em recuperar o antigo canal, a fim de utilizá-lo como barreira da área de segurança e, através de sua margem, nortear o percurso em direção ao novo balneário proposto. 

Durante este percurso ocorrem algumas intervenções, como a construção de um anfiteatro ao ar livre, mirantes e áreas 
de contemplação. 

O novo edifício, chamado de “balneário do conhecimento” propõe uma aproximação das atividades de pesquisa, educação e lazer. 

Ele foi pensado como uma grande sombra. Sob ela há um auditório para 250 pessoas, uma biblioteca, duas salas de aula de 80 m², um laboratório, espaços para exposições, restaurante, lanchonete e um complexo de piscinas com suas respectivas infra-estruturas de apoio (vestiários, sala para exame médico, etc.) e um lago.

imagens
maquete

© 2019 Obra Arquitetos - Todos os direitos reservados