english
ubs Gurugi conde - pb
ficha técnica
ano
2019
equipe

Baldomero Navarro

João Paulo Daolio

_colaboradores

Bruna Akamine

Kawani Nishimura 

_imagens

Bruna Finimundi

Aberta diretamente à rua e com vistas para a área verde ao fundo do terreno, uma praça coberta serve de espaço de acolhimento, espera e convívio, e organiza o programa de maneira muito direta: nas suas duas laterais os espaços de atendimento médico e odontológico, educação e recepção/guarda de prontuários se abrem diretamente para esta praça, evitando os corredores e os percursos alongados. 

Neste espaço central um volume de apoio organiza todo o fluxo do edifício, hierarquizando os setores de ambulância, recepção, espera e circulação. Tudo identificável num único olhar.

As fundações e arranjo do terreno sugere-se a construção de pequenos muros de contenção em concreto ciclópico, empregando parte do entulho da demolição tanto no aterro quanto como agregado do concreto. 

Após esta fase de fundação, a obra torna-se um processo de montagem de elementos pré-fabricados, permitindo rapidez e pouco desperdício de materiais.

A estrutura foi projetada em perfis tubulares de aço, de seção quadrada ou retangular, que apresentam grande economia no peso geral da estrutura. Com elementos típicos, esta etapa de obra se torna ágil e, uma vez montada a cobertura, os serviços de montagem do resto do edifício se dariam protegidos das intempéries, garantindo condição de trabalho agradável num clima de temperaturas tão elevadas e chuvas frequentes. Os pilares e vigas principais, com vãos da ordem de 5 a 6m, suportam um sistema de nervuramento de 80cm de vão, tornando a cobertura leve e dispensando o emprego de forro.

Os fechamentos, tanto de parede quando de teto, são em painel misto tipo “wall” (2 placas cimentícias e miolo em madeira de reflorestamento). Nas paredes externas e na cobertura é empregada manta de lã de PET para garantir isolamento térmico e acústico. A cobertura é projetada com telhas metálicas zipadas, que demandam caimento mínimo com estanqueidade garantida pelo sistema de fixação. Com isto, a inclinação é dada com curvamento simples, as telhas naturalmente acomodando-se às terças, sem necessidade de calandragem. Evita-se assim o emprego de perfis de fechamento (rufos / cumeeiras) que poderiam ser pontos vulneráveis do sistema.

imagens
implantação
desenhos
planta
corte A
corte B

© 2019 Obra Arquitetos - Todos os direitos reservados